domingo, 16 de setembro de 2012

O Evangelho Original e o evangelho pervertido

O Evangelho Original x o evangelho pervertido

Pr. Gabriel Vila Lobo – Chicago, Illinois

Um pequeno resumo da Escola Dominical


Gálatas 1:1 PAULO, apóstolo (não da parte dos homens, nem por homem algum, mas por Jesus Cristo, e por Deus Pai, que o ressuscitou dentre os mortos ),

6 Maravilho-me de que tão depressa passásseis daquele que vos chamou à graça de Cristo para outro evangelho; 7 O qual não é outro, mas há alguns que vos inquietam e querem transtornar o evangelho de Cristo. 8 Mas, ainda que nós mesmos ou um anjo do céu vos anuncie outro evangelho além do que já vos tenho anunciado, seja anátema.

Quando você entra no Tabernáculo, você sente este descanso, porque este lugar está ungido com a presença de Deus, esta presença que você traz. Muitos vêm ao Tabernáculo para um ato religioso, mas você não pode vir aqui para isso. Venha para exercer Cristianismo. Você precisa saber a diferença. A diferença entre religião e Cristianismo, é que cristianismo é de Deus, e religião é do diabo.

Pensar que está salvo não faz disso uma realidade. Temos que produzir os frutos da palavra.

Não existem dois evangelhos, Paulo disse que só tinha um. A igreja batista ou a pentecostal, todos pregam o mesmo evangelho que pregamos, e qual é a diferença já que todos estão lendo da mesma bíblia? É que a maioria tem pregado um evangelho pervertido. Você ouve uma mentira tantas vezes que termina depois acreditando que aquela mentira é a verdade.

O Evangelho original não é muito popular, mas o pervertido é muito popular e abunda, se multiplica, e por isso pensam que é o correto, quando escutam o original, eles estranham, porque a maioria crêem de uma forma e por serem a maioria, pensam que estão correto.

Paulo foi chamado para pregar o evangelho aos gentios, mas recordem que por um tempo ele pregou um evangelho pervertido. Nem sempre ele pregou a palavra correta, ele disse que por um tempo praticou o judaísmo, e estava cheios de tradições como os demais fariseus, e ele cria que estava na verdade. Mas é claro que ele pregava a verdade, porque Moises e os profetas eram a verdade, mas quando não se entende a verdade, não tem como pregar a verdade. Então o que ele pregava era a tradição dos seus pais.

Logo surge uma nova fé em oposição as tradições do judaísmo, e esta era a fé do cristianismo, e Paulo era tão zeloso, em sua religião que começou a perseguir os cristãos, e estes cristãos estavam lendo as mesmas escrituras que Saulo lia, mas e interpretação era diferente, mesmo sendo os mesmos pergaminhos, mas tinha uma interpretação diferente, e ele não podia aceitar que trouxessem uma nova doutrina. Eles estavam estabelecidos no farisaísmo, e ele quis matar os cristãos pensando que estava fazendo um serviço para Deus, e então encabeçou a perseguição, ele recebeu autorização para isso, e consegui matar um destes, era Estevão, e Paulo se sentiu orgulhoso, porque estava defendendo sua religião.

É a mesma coisa com as igrejas hoje, que matam os que não crêem como eles, e como os mata? Co a língua, falando deles, e tirando a influencia, aprenderam isso co a Mãe, a igreja católica. A igreja católica dizia ser a original e verdadeira, mas surgiu então o movimento protestante e começaram a se levantar a igreja católica, mas os protestantes fizeram o mesmo, e começaram a perseguir os católicos, e mataram também, logo surgiram os demais, e fizeram o mesmo. Isso não é cristianismo. A denominação produz ódio, diz o profeta. As pessoas são cuidadosas para defender sua religião pensando que estão servindo a deus. Na verdade estão servindo a uma religião, uma denominação.

Mas eu penso, e será que isto não veio par adentro da mensagem também? As pessoas saem e vem para esta mensagem, e pensam que agora somos os bons os originais, a religião verdadeira, e não percebem que estão com o mesmo espírito religioso deles.

Estamos pregando o evangelho original, ou apenas pensamos que estamos no evangelho original?

Paulo se encontrou com uma luz no caminho de damasco, e ele fez a mesma pergunta que Moises fez, ao se encontrar com o pilar de fogo. Moises perguntou o nome, mas não era para aqueles dias a revelação deste nome.

Mas Paulo sabia que um dia este nome seria revelado, e ele perguntou quem eis Senhor Jeová? E para sua surpresa, a voz disse, Eu Sou Jesus, a quem tu persegue. Paulo agora podia mostrar para os demais a diferença que existe entre conhecer as escrituras, e conhecer Aquele que escreveu a escritura.

Paulo agora tinha uma missão, levar o povo a ter uma experiência com o Pilar de Fogo, como ele também teve. E começou a dizer aos demais, como registrou em Gálatas, que ele agora não era seguidor do Judaísmo, mas era agora era um apostolo de Jesus Cristo.

Logo Paulo estava denunciando, aqueles que tinham vindo para a mensagem do dia, e estavam pregando sem ter a revelação.

Eva foi enganada pela serpente, porque a mensagem que a serpente lhe entregou algo mui parecido com o original. E ela caiu.

Paulo estava abismado, pois os irmãos estavam aderindo a um evangelho mui parecido, mas não era o original. Será que no tempo do fim isso não seria repetido? Sim, porque as condições são as mesmas. Os espíritos são os mesmos, só mudam os atores. Então nós temos verdadeiros atores, e atores falsos.

Paulo disse que estava livre do sangue deles, porque não deixou de anunciar todo conselho de Deus. Qual era este conselho de Deus? Era o evangelho original.

Este evangelho que corrigi, traz disciplina e ordem a igreja, para que saber os mistérios, se ainda nem temos ordem e disciplina?

O Diabo não é filho de outro diabo, ele era um filho de Deus, mas se perverteu! E Deus nunca perdoou sua perversão. E Deus não vai perdoar este evangelho pervertido.

I Timóteo 4:1 Mas o Espírito expressamente diz que nos últimos tempos apostatarão alguns da fé, dando ouvidos a espíritos enganadores, e a doutrinas de demônios; 2 Pela hipocrisia de homens que falam mentiras, tendo cauterizada a sua própria consciência; 3 Proibindo o casamento, e ordenando a abstinência dos alimentos que Deus criou para os fiéis, e para os que conhecem a verdade, a fim de usarem deles com ações de graças;






Veja as fotos desta reunião

-------------------------------------------------
Se você deseja a gravação completa desta palestra em CD ou DVD, entre em contato antravés do e-mail:
------------------------------------------------

Este pequeno resumo foi feito de forma simultanea, sendo portanto apenas uma tentativa de ajudar aos amigos e irmãos a compreender melhor a Mensagem Precursora da Segunda Vinda de Jesus Cristo.
Ir. Rosendo
www.doutrinadamensagem.com.br

Nenhum comentário:

Postar um comentário