sábado, 2 de maio de 2015

deidade32

Deus Revelado em Carne Humana

07/12/2005 - Francisco Morato – SP
Ir. Rosendo

INTRODUÇÃO
            E ninguém no céu, nem na terra, nem debaixo da terra, podiam abrir o livro, nem olhar para ele. 4 E eu chorava muito, porque ninguém fora achado digno de abrir o livro, nem de o ler, nem de olhar para ele. Apocalipse Capítulo 5:3 – 4.

Quem é digno de abrir o livro e desatar os selos? Meus preciosos ouvintes, o Livro selado com sete selos ficou como uma incógnita, o grande mistério, o grande segredo. Eu quero dizer para os nossos ouvintes com toda a convicção que há na minha alma, no meu coração este Livro selado com sete selos já está aberto. O cordeiro já abriu o Livro, já desatou os seus sete selos e Apocalipse capítulo 10:7 está perfeitamente cumprido, o senhor Deus enviou o Seu sétimo anjo de Apocalipse capítulo 10:7 o qual traria a revelação dos sete selos.

Agora nós podemos pregar sobre os mistérios revelados, agora nós podemos pregar sobre a Deidade Suprema de nosso Senhor Jesus Cristo porque eram mistérios que estavam selados sobre os sete selos. Ouça neste instante mais esta mensagem e adquira fé através do ouvir a palavra de Deus, fé de arrebatamento.

Irmão Rosendo




Deus revelado em Carne Humana
07/12/2005 - Francisco Morato – SP
Ir. Rosendo

1 - Segunda epistola Universal do Apóstolo Pedro capítulo 1:21 onde está escrito: “Porque a profecia nunca foi produzida por vontade de homem algum, mas os homens santos de Deus falaram inspirados pelo Espírito Santo” Amém. [Amém]. “Vamos ler juntos este versículo você que está com a Bíblia aberta? Vamos lá? “Porque a profecia nunca foi produzida por vontade de homem algum, mas os homens santos de Deus falaram inspirados pelo Espírito Santo.” Amém.

2 - Senhor nosso Deus, se o Espírito Santo ungiu aqueles homens do passado para falar da Tua Palavra e deixá-la registrada para nós, nós sabemos que este livro misterioso ficou selado com sete selos para que no tempo do fim pudéssemos entender o seu conteúdo e agora estamos vivendo neste tempo quando os mistérios seriam revelados pelo o sétimo anjo e sabemos que este é um trabalho de Deus mesmo, do Espírito Santo. Então que este mesmo Espírito Santo nos ajude a compreender a Tua Palavra para esta hora, para a Glória do Teu Santo nome nós te pedimos Amém! Podem sentar.

3 - Eu queria juntamente com vocês, termos em pouco tempo uma continuação, de uma série de mensagens que nós vinhemos pregando sobre Melquisedeque não sei se vocês estão lembrados? E não pensem que eu estou esquecendo os assuntos que estão ficando, eu estou entregando em partes. E o assunto sobre Melquisedeque nós pregamos se não me engano três pontos sobre este assunto e eu gostaria de trazer mais um pouquinho para nós hoje, porque a medida que gente vai... vai amadurecendo, vai encontrando mais luz sobre o assunto e isto nos ajudará mais um pouco para que não só nós, mais isto está ajudando outras pessoas a compreender a Doutrina da Mensagem.

4 - Tem irmão que nos liga, que nos procura, que nos escreve cartas, telefonam e precisando e dizem: “Puxa o próximo já manda, o culto de tal dia manda pra mim, e não esqueça de mim, e estamos dependendo disto aqui os irmãos aqui estão querendo ouvir mais alguma coisa continuidade disto”. E antes de ir para eles tem que passar por vocês primeiro, então nós somos privilegiados né? Somos privilegiados. E dentro desta série de assuntos mostrando quem é a pessoa de Melquisedeque eu queria antes ler algo aqui na mensagem no Livro das Eras na página 20 “A Revelação de Jesus Cristo” Na página 20, exatamente no final da página 20 diz assim: Entretanto, antes de ficarmos preocupados demais com isto, vamos ler tanto a versão Rei Tiago como a tradução pelo o Dr. Lamsa. São eles, o Rei Tiago um dos tradutores da Bíblia, e o Dr. Lamsa também um dos tradutores. O irmão Branham usava muito a Bíblia pelo [anotada pelo] Dr. Scofield, como nós usamos aqui a de João Ferreira de Almeida. Cada um desses homens que foram dotados com muita inteligência não é? Para traduzir a Bíblia, cada um traduziu da forma mais perfeita possível, mais tinha um deles que tinham o entendimento melhor sobre a tradução grega, do hebraico para nossa língua ou para o inglês, alguma coisa assim. Irmão Branham estava mostrando que estas diferenças, diferenças de traduções da escritura, nomes que tem em uma Bíblia e na outra a tradução é diferente ele está mostrando o porquê.

5 -  E ele diz assim: Antes de ficarmos preocupados com as diferentes traduções,...  [Não é?] Vamos ler tanto a versão Rei Tiago como a tradução pelo o Dr. Lamsa. Para nossa satisfação encontramos as palavras em ambas, surpreendentemente as mesmas de forma que não há realmente diferença em conteúdo ou doutrina. Quer dizer, o ponto doutrinário não é modificado por causa das traduções diferentes, é como se disséssemos assim: “Esta Bolacha é gostosa, e outro diz: Esta Bolacha é saborosa.” O conteúdo não mudou, ambos estão dizendo o que realmente está sentindo da bolacha, expressando a sua maneira não é?

6 - “Nós podemos até mesmo concluir que Deus tem permitido estes manuscritos recentemente descobertos e novas publicações de documentos originais já conhecidos chegarem diante de nós para provar a autenticidade do que já tínhamos. E descobrimos que embora os tradutores possam disputar um com o outro, os documentos originais não o fazem. [Os documentos originais não brigam um com o outro]. Agora você pode ver que não se pode basear a interpretação no profundo conhecimento dos estudiosos sobre a língua em que a Bíblia está escrita. Mas se você ainda não pode ver isto porque está velado em sua mente pela a tradição, aqui está uma última ilustração. Ninguém pode duvidar que os escribas e fariseus e os grandes eruditos do ano 33 D.C. conheciam as exatas leis de gramática e os significados exatos das palavras nas quais o Velho Testamento fora escrito; Mas apesar de todo o seu elevado conhecimento eles falharam em ver a revelação da prometida Palavra de Deus manifestada no Filho.

7 - Então eu estou lendo isto exatamente do sermão que o irmão Branham pregou sobre “A Revelação de Jesus Cristo” porque é neste sermão onde você encontra muitas expressões quando ele fala que Jesus é Deus; ou Jeová do Velho Testamento é Jesus no Novo Testamento, e quando não se compreende o linguajar do profeta você erra na doutrina, você tem que entender que o ensinamento, ou o ponto doutrinário é apostólico e profético. O Pastor, ele não cria doutrina, o mestre não cria doutrina, o evangelista não cria doutrina de forma nenhuma, a doutrina vem do Apóstolo e do Profeta. Só que estes dois ministérios eles falam de uma forma como se eles tivessem falando em parábolas e as pessoas não conseguem entender claramente; porque não é para todo mundo entender. Então precisa-se do ministério do mestre, do professor do doutor vamos dizer assim, para juntar as partes dentro do que pregou o Apóstolo e o Profeta, e ali dá forma á doutrina; o mestre ele não cria uma doutrina, ele dentro do que ensinou o profeta e o apóstolo ele forma o ponto doutrinário e apresenta para a igreja (aquilo foi estabelecido pelo o profeta e o apóstolo).

8 - Por isso o povo não compreendendo o linguajar do profeta eles erraram na compreensão da Doutrina sobre Deus, e agora quando mestres da mensagem, e nas escrituras veio nos mostrando que muitos pregadores que estão na mensagem tem errado algum ponto doutrinário, é porque estes mestres conhecem o linguajar de William Branham e mostra que o profeta do Senhor veio exatamente pregando o que os apóstolos pregaram, mas a mensagem que comumente se entregam para as pessoas é como se ela entrasse em choque, porque não bate.

9 - Não dá para você dizer que Jesus é o próprio Pai, sendo que a Bíblia diz que: “O pai habita no Filho.” Então por isso que dentro desta série de Melquisedeque nós estamos entrando mais a fundo, na diferença que há entre o Pai e o Filho. Então observe nesta mesma mensagem onde ele mostra que Jeová do Antigo Testamento é Jesus no Novo Testamento, porque ali você não pode separar um do outro uma vez que Jeová Elohim mesmo, O Espírito Santo está (Entre o Jordão e o Getsemani) em plenitude no corpo de Seu Filho; por isso que Jesus no Novo Testamento é Jeová do Velho Testamento.

10 - Nesta mesma mensagem ele diz aqui olha: “Apesar de todo o seu elevado conhecimento eles falharam em ver a revelação da prometida Palavra de Deus manifestada no Filho. Lá estava Ele descrito desde Gênesis até Malaquias, com capítulos inteiros devotados a Ele e seu ministério, no entanto, com exceção de alguns que foram iluminados pelo o Espírito, eles falharam inteiramente em vê-lo. Nós agora chegamos a uma conclusão, conclusão essa que já encontramos na Palavra. Por mais que creiamos em tentar encontrar os mais antigos e melhores manuscritos para obter o melhor registro possível da Palavra, nós nunca conseguiremos o verdadeiro significado dela pelo o estudo e comparação das Escrituras, por mais sinceros que sejamos”.

11 - O mensageiro de Deus está sendo enfático aqui, muito claro quando ele diz que por mais que se deseje você nunca encontrará o verdadeiro conhecimento sobre Deus, comparando escrituras, estudando escritas simplesmente assim. Por que se conseguisse, então os adventistas tinha a verdade sobre Deus. Se pelo o estudo e comparação com as escrituras se encontrasse o que é Deus; o que é a verdade das escrituras os testemunhas de Jeová eram os principais porque eles estudam e muito bem, e assim muitas outras religiões.

12 - Eu vou repetir para vocês isto: “Por mais que creiamos em tentar encontrar os mais antigos e melhores manuscritos para obter o melhor registro possível da Palavra, nós nunca conseguiremos o verdadeiro significado dela pelo o estudo e comparação das Escrituras, por mais sinceros que sejamos”.

13 - Então o que eu necessito? O que vamos necessitar então para encontrar a essência da coisa? Ele continua: “SERÁ NECESSÁRIA UMA REVELACAO DE DEUS PARA TRAZÊ-LAS À LUZ. ISSO É EXATAMENTE O QUE PAULO DISSE... Paulo falou: “AS QUAIS TAMBÉM FALAMOS, NÃO COM PALAVRAS DE SABEDORIA HUMANA, MAS COM AS QUE O ESPÍRITO SANTO ENSINA.” Amém!
Coríntios 2:3 – A verdadeira revelação é Deus interpretando Sua própria Palavra ao vindicar o que está prometido.” Olhe agora o que isto; vou repetir esta frase, esta última aqui: “A verdadeira revelação é Deus interpretando Sua própria Palavra...”

14 - E como é que Deus interpreta a Sua Palavra meus amigos? É mandando um sonho para um irmão mandando um sonho para uma irmã que tem... Que costuma sonhar muito na igreja, como que é? É mandando uma visão extra para alguém? Como que é que Deus interpreta Sua Palavra? Observe. “A verdadeira revelação é Deus interpretando Sua própria Palavra ao vindicar o que está prometido”.
15 - Então Ele interpreta, Deus interpreta Sua própria Palavra quando o que Ele prometeu está em cumprimento e Ele vindica aquele cumprimento, Ele prova que aquilo é a verdade. Uma prova, um pequeno exemplo era quando Jesus dizia assim: Pai, eu sei que Tu sempre me ouves, tu sempre me ouve, mais eu falo isso não por mim, mais por eles, para que eles creiam que Tu me enviaste.” então ele vira para a sepultura e diz: Lázaro, sai para fora.” [1] Jesus era o cumprimento das profecias e ela estava em perfeito cumprimento e Deus agora vindicou que aquilo era a revelação do dia, é assim que Deus interpreta a Sua Palavra é vindicando cumprimento.

16 - Então porque é que as pessoas hoje não tem a verdadeira revelação das escrituras? Por que eles não conhecem o que é que está dando-se cumprimento hoje, e nem conhecem a vindicação de Deus naquele cumprimento. Por eles não podem ver que Deus prometeu para os últimos dias o revelador de mistérios, eles também não podem ver Deus vindicando aquele que ele escreve; porque na verdade isto não é para eles.

17 - Então agora eu quero levar vocês para entender um pouco mais a respeito da diferença entre O Pai e O Filho; falando ainda sobre Melquisedeque. Na mensagem “Hebreus 7 parte 2” quando o profeta Do Senhor estudou com a igreja a carta aos Hebreus, a partir do parágrafo 35 {Na nova revisão situa-se no parágrafo 69 ed.} pela a tradução feito aqui pela a Palavra original aqui no Brasil, o mensageiro Do Senhor disse assim: “Este Melquisedeque não era Jesus”,

18 - Eu vou repetir isto que eu já falei antes: um Pastor muito amigo nosso, ele viu uma mensagem pregada por mim com este título: “Melquisedeque não era Jesus” e ele pegou o CD e disse: “O irmão tem esta mensagem para testificar, para dá o aval a essa sua expressão que Melquisedeque não era Jesus?” Eu admirei, não é possível que um homem com o conhecimento desse não saiba que o irmão Branham pregou isto. Mais observe; “O irmão tem mensagem para sustentar isto?” Eu disse: “Tenho irmão, tenho.” Fui lá e peguei a mensagem em Espanhol para mostrar mais difícil né? Peguei em Espanhol e mostrei para ele: “Esta aqui“Melquisedeque não era Jesus”.” (Porque ele tinha já as mensagens traduzidas para o português, se ele não viu no português talvez ele visse em inglês ou em outra língua não é?)

19 - Então aqui está nós temos isto traduzido há tanto tempo, está nas mãos de todos os pastores e muitos irmãos. Hebreus 7 parte 2. “Este Melquisedeque não é Jesus, pois ele é Deus.”
Então o meu profeta, aquele que o tenho como enviado de Deus, ele cria exatamente que Aquele Melquisedeque que se apresentou para Abraão, a quem Abraão pagou o dízimo de tudo, a quem abençoou Abraão e falou: “Bendito seja Abraão, servo do Deus altíssimo”, Ele poderia dizer: Meu servo; porque naquela manifestação aquele homem se apresentou como Rei de Salém para Abraão era Deus mesmo, era Elohim em carne humana. Este é um segredo, mistério da Bíblia que outra vez viria à tona nos últimos dias quando outra vez Deus assumisse um corpo de carne.

20 -  Observe isto: Melquisedeque não era Jesus, ele era Deus. E o que fazia Jesus de Deus diferente? Jesus... Essa é a diferença agora: “Jesus era o tabernáculo onde Deus habitava. Veem? Agora, Melquisedeque. Jesus tinha ambos, pai e mãe. E este Homem nunca teve pai ou mãe. Jesus teve um começo de vida e Ele teve um fim de vida. Este homem (Melquisedeque) não tinha pai, nem mãe, nem começo de dias ou fim de vida. Mas, Ele era a Mesmíssima Pessoa, era. Melquisedeque e Jesus eram Um”; e agora?

21 - Eu poderia adiantar isto aqui porque quando você ler a mensagem, e você ler exatamente uma parte como você ler a escritura sem o conhecimento do resto da escritura, você pensa que as coisas são daquele jeito que está ali, do jeito que nossos amigos denominacionais quando ele ler Mateus 28:19 batizando-o em nome do Pai, e do Filho, e do Espírito Santo;Como eles não conhecem o cumprimento daquilo eles batizam nos títulos, porque eles não sabem o nome, como foi revelado o nome, eles não sabem que nome é o nome daqueles títulos; então ficam exatamente ali. A mesma coisa, o mesmo perigo nós passamos se pregamos a mensagem sem conhecer a mensagem e achar que aquilo é a doutrina, e que acha que é daquela maneira, não, por isso que esta mensagem não é qualquer pessoa que ensina, que prega esta mensagem... não é todas as pessoas que conseguem ensiná-la, porque poderá matar o povo com esta própria palavra. Por isso que disse a letra mata, o espírito é que dá vida, é quem vivifica.

22 - Então observe isto agora, observe isto: Quando você ver... Lembrando-se disto aqui já, a gente encontra pessoas, pessoas de bom testemunho, pessoas quem tem o maior desejo de servir a Deus... Que tem o maior desejo de pregar e tudo, e as vezes a gente fica... Sabe, com aquele cuidado com estas pessoas, aquele bom cuidado para que a pessoa não passe os pés pelas mãos para que espere em Deus... e eles dizem: Eu gostaria muito de pregar esta mensagem, de levar ela adiante... eu digo: Então ta bom, então o irmão aprenda mais um pouco... aprenda. Aprendam. Por que todos que todos que vieram para esta mensagem, e já começaram pregar esta mensagem eles se deram muito mal.

23 - Pastores que vieram da denominação e já vieram com seus campos e continuaram tomando conta de seus rebanhos, porque não tiveram humildade de entregar seu povo para outro pastor, porque também não sentia confiança que este outro pastor iria cuidar bem daquele povo; sabe aquela desconfiança. Então, este povo sofreu, essas pessoas sofreram juntamente com ele, porque ele não aprendeu; ele não sabia o que era a mensagem ainda e já começou a pregar a mensagem, e pregar a mensagem não é dizer que Deus enviou um profeta; pregar uma mensagem não é dizer que o batismo é em nome de Jesus Cristo, não senhores, a mensagem é muito mais que isto.

24 - A mensagem é o próprio Deus na terra fazendo um trabalho na Sua Igreja, vestindo a Noiva com a Palavra. É o próprio Deus mudando o nosso coração, nos enchendo com Sua graça, nos batizando com Ele mesmo que é o Espírito Santo, entendem? E quem prega principalmente tem que saber disto para mostrar ao povo o que é a mensagem, porque se eu não mostrar para vocês o que é a mensagem eu vou simplesmente me apresentar para vocês; e vocês poderão me ter como um nome, “nossa vê? Pastor fulano de tal. O grande missionário fulano de tal” não dá, na mensagem não pode ter estas coisas.

25 - Cada pregador desta mensagem tem o único compromisso: É apresentar Deus para o povo. É mostrar ao povo onde Deus está, e ele está em Sua Palavra, observe: Então veja aqui, observe a expressão do irmão Branham, por isso que eu fiz todos estes comentários por causa desta expressão, olhe: “Ele, mais Ele é a mesma pessoa. Melquisedeque e Jesus eram um”. Como que é isto? Então, quando você ler a outra mensagem “Eventos Modernos Esclarecidos Pela a Profecia” você entende porque ele diz isto também, e que ele mostra que este é o nome de Deus mesmo? O nome do Pai é Jesus. Por isto Melquisedeque e Jesus eram um, era a mesma pessoa; mais Melquisedeque não era aquela manifestação de Filho, não senhores. Aquele gerado do ventre de Maria Melquisedeque foi quem o gerou, e recebeu o seu nome, por isso que o irmão Branham dizia: “Eu sou Branham porque meu pai também era Branham”.

26 - Então aquele menino que nos nasceu chamado Jesus, (porque este é o nome de seu Pai) Jesus significa: “Jeová é salvador” vê que coisa? Ai ele diz: “Mas Jesus era o corpo terreno, nascido e formado segundo o pecado. O próprio corpo de Deus, Seu próprio filho, nascido e formado segundo o pecado, para tirar o ferrão da morte, para pagar o resgate e receber filhos e filhas para Si. Você captou? Aquela é a razão pela qual Ele teve - Ele teve um começo, Ele teve um fim”. Isto eu li na mensagem “Hebreus 7 parte 2” a partir do parágrafo 35 {Na nova revisão situa-se no parágrafo 69 - Ed.} da tradução feita aqui no Brasil.

27 - Agora, mensagem “Por que Clamas? Fala! (4/10/1959)” fala: parágrafo 48 – Observe isto atentamente, porque nós não estamos aqui pregando coisas de você sair aliviado dos seus problemas, e da sua luta do dia-a-dia; isto é muito bom... aquelas mensagens de avivamento... Nossa nós precisamos disso, mais quando se trata da Doutrina, quando se trata do ensinamento isto é o que estabelece a tua fé, isto é o que estabelece você na Palavra.

28 - Então vamos aqui, “Por que Clamas? Fala! (4/10/1959)” a partir do parágrafo 48 – “Agora, quantos sabem que Cristo é o Espírito de Deus?”
 É uma pergunta que ele está fazendo.
...Quantos sabem que Cristo é o Espírito de Deus? Então se você não tiver uma mente mais estabelecida, você vai pensar assim: Será que o irmão Branham está dizendo que Jesus é o Espírito de Deus? Não. Ele está dizendo: “...quantos sabem que Cristo é o Espírito de Deus?” Por que Cristo é o Espírito Santo, Cristo não é Jesus, Cristo é O Espírito Santo.

29 - Quando você fala: “Jesus Cristo” você está falando de Deus mesmo, O Pai habitando no Filho. “Cristo” Jesus ungido com O Cristo, Jesus ungido com o Espírito, o Espírito nele faz dele “O Cristo” ou ungido com Deus. Veja:
...Todos nós sabemos disso, Ele é o Ungido, Jesus era o Ungido. Aí é onde as pessoas que acreditam que existem três ou quatro deuses diferentes confundem tudo. Vê? Deus é um Espírito. Jesus era o corpo em que o Espírito de Deus habitava que O fez Emanuel...”

30 - Meu Deus, tantas pregações a respeito disto defendendo a doutrina Unicista combatendo exatamente o assunto sobre a Deidade, usando a escritura ainda; quando diz “Emanuel” (Deus conosco) ai dizem assim: “Está vendo? Jesus é o próprio Deu, é o próprio Pai, por isto que é “Emanuel” que quer dizer Deus conosco.”
O mensageiro do Senhor nos ensinou exatamente isto olha: Jesus era o Corpo no qual o Espírito de Deus habitava, o fez Emanuel. O que fez Jesus Emanuel? Deus habitando Nele, Deus no homem, Deus em uma carne.

31 - Então, muitos ficaram decepcionados, tristes, e com a orelha caída quando ouvio dizer isto olha: do Calvário... Aliás, do Getsemani... Está certo agora mais ou menos? Do Getsemani até o Calvário Ele era totalmente um homem, porque Deus o tinha abandonado. Olha isto foi pregado em um encontro de pastores no ano de 1995, e quando aquilo foi... foi pregado ali eu estava presente, mais quem se apercebeu disto?

32 - Pastor veio lá da África do Sul pregou sobre isto todo mundo gritou, aplaudiu, glorificou e tal... mais eu mesmo não entendi, e creio que também os outros não entenderam, porque se tivesse entendido não estariam hoje combatendo o ensinamento sobre Deus, sobre a Doutrina da Mensagem. Ai agora veio um irmão depois de tantos anos me entregar a fita: “Oh irmão queria que o irmão pegasse a fita aqui e passasse ela em CD pra mim.” Ai eu começo a ouvir a fita, e eu digo: “Então, é esse culto eu estava presente, eu estava presente.” Ai ali, o Pastor fala exatamente o que estamos pregando hoje depois de tanto tempo, mais agora nós estamos pregando sabendo o que estamos falando, quando ele diz assim: “O Pai o abandonou no jardim, e ele como um homem, Jesus totalmente como homem foi até o Calvário”. Veem só?
33 - Então, porque ele é Emanuel (Deus conosco)? Por que Ele é o próprio Pai? O próprio Deus? Não senhores. Jesus era o corpo no qual o Espírito de Deus morou, o fez Emanuel, “Deus, tabernaculou na terra”. Quer dizer: Deus habitando no tabernáculo, em uma morada porque a palavra “Tabernáculo” quer dizer “Morada e lugar de habitação.” Então, o tabernáculo de Deus foi Cristo, Jesus Cristo. Veja, então ali estava Deus tabernaculizando ou morando, habitando na terra; Ele era Deus! Jesus Cristo era Deus! Agora sim, Jesus Cristo era Deus! Por quê? Por que O Pai estava morando Nele.

34 - Então, você não poderia ter outro ser, outra divindade separada do Filho, porque O Pai estava dentro Dele, fazendo Dele Emanuel; O próprio Deus estava na terra habitando o corpo do seu próprio Filho.Ele era Deus, Jesus Cristo foi Deus”, todavia, Ele era O Filho de Deus! Essa é a separação. Ele era Deus e Ele era O Filho de Deus. Mais como, a mesma coisa? Porque O Pai estava habitando no Filho. Então tinha uma hora que O Pai falava outra hora O Filho falava, e por isto eles ficavam confundidos sem entender o que era aquilo. Uma hora Ele falava O Filho falava daqui a pouco O Pai falava e eles ficavam totalmente tontos e procuraram apedrejar, veem?

35 - Olha: “Sua carne era o Filho de Deus porque Deus o criou, mas por dentro Ele era Deus”. Mais eu quero dizer para os meus amigos talvez vocês estejam interessados ou não neste assunto, mais temos pessoas que estão muito interessados nestes assuntos, neste ensinamento. Então, eu quero ir com muita calma, mesmo que um assunto desses tenhamos que pregar por messes seguidos né? Sempre de vez em quando um pouquinho.

36 -Mais observe, eu vou voltar a esta expressão: “Porém, Deus estava dentro Dele. Sua carne era o Filho de Deus porque Deus o criou, mas por dentro Ele era Deus”. Então eu quero esclarecer algo aqui, você vai encontrar muitas pessoas ensinando, muitos pregadores dizendo que: Jesus era apenas a carne, a parte filia... a parte de filiação o Filho era apenas a carne, e dentro o Espírito era Deus, não era apenas isso. Observe. Porque se fosse apenas a carne que era o Filho e o Espírito era de Deus, então, as pessoas teriam que começar a ensinar que Jesus não tinha um Espírito; porque o único Espírito que estava dentro Dele era o Pai, o Espírito Santo habitando Nele, porém NÃO era somente isto. Porque se fosse apenas a carne, então, quando a unção, quando o Espírito deixou-o no jardim Ele teria que morrer ali; porque uma carne sem espírito ela não movimenta, ela não anda. Isto está fora, é inconcebível. Mais, eu sei, Deus tem nos dado este privilégio na nossa humildade que temos diante destas coisas, diante de uma mensagem tão tremenda de entender isto.

37 - Observe: “Ele era Deus. Jesus Cristo era Deus, todavia, era O Filho de Deus. Sua carne era O Filho e Deus morou dentro...” dentro daquela carne estava Deus. Mais Observe: Você tem que entender que dentro daquela carne também tinha Espírito e Alma. Porque você encontra o irmão Branham dizendo em outras mensagens que: Deus morou em uma casa de três cômodos.[2] Assim como você tem corpo, Espírito e Alma Jesus também tinha corpo, Espírito e Alma.

38 - Antes do batismo no Jordão, O Pai não estava morando Nele e Jesus tinha Espírito; ele falava, ele interagia... Ora como pode? Agora, você está em processo; tem pessoas que está em processo de ter o Espírito Santo, outros tem o Espírito Santo, cada um em uma determinada medida. Isto quer dizer que você não tem o seu Espírito? Ora, você é corpo, espírito e alma e em você tem que estar também o Espírito Santo, a mesma coisa como em Cristo Jesus... Ele tinha corpo, espírito e alma.
39 - Esta parte da palavra que se fez carne estava ali no corpo humano, porque a Bíblia diz: Ele participou com os humanos, também das coisas terrenas. Mais agora naquela carne, naquele homem, naquele Filho de Deus nascido de mulher O Pai habitou em plenitude.

40 - Então quando o irmão Branham está separando estas duas coisas aqui, e mostrando que aquela carne não é? Era Jesus e O Pai habitando naquela carne, não pense que ele está dizendo que aquela carne não tinha um espírito além do Espírito Santo, porque Ele no jardim, no Horto ali Deus O Pai o abandonou e Jesus seguiu sozinho para a cruz. E lá ele exclamou: Deus meu, Deus meu por que me desamparastes?  E O Pai que o gerou que é o Espírito Santo foi quem recolheu Seu Espírito quando ele disse: Em tuas mãos entrego o Meu Espírito.

41 - Será que Jesus estava entregando o Espírito Santo nas mãos Dele mesmo? Não senhores! Ele estava entregando ao Seu Pai o Seu Espírito de vida, porque tinha que deixar aquele corpo para poder Ele morrer, Amém. Eu creio nisto.

42 - Agora, observe: Não sou eu, disse Jesus: Que faz as obras... ainda na mensagem “Por que Clamas? Fala! (4/10/1959)” Parágrafo 48 – “Não sou Eu, disse Jesus: que faz as obras é o Meu Pai que mora em Mim. E naquele dia conhecerão que eu estou no Pai. O Pai em Mim, Eu em vocês, e vocês em Mim.”
 Então para poder Ele estar em nós, nós teríamos que não ter espírito também se fosse o caso, você ver? Você está ali, observe: esta é a citação do irmão Branham na mensagem “Por que Clamas? Fala! (4710/1959)” Eu vou dá outra citação, porque as pessoas querem saber como o irmão Branham cria nestes assuntos.

43 - Mensagem “Shalom (12/01/1964)” a partir do parágrafo 75 (Na tradução EUA parágrafo 76 - Ed.) – “Quando Melquisedeque encontrou com Abraão da matança dos reis, ele era o Rei de Jerusalém, um sacerdote,..”
Observe que quando estamos falando de Melquisedeque, nós estamos falando de Elohim o Espírito Eterno em manifestação na terra.
Observe: “Quando Melquisedeque encontrou a Abraão na matança dos reis, ele era o Rei de Jerusalém, um sacerdote, o qual era Cristo,..” Veja agora: ... “o qual era Cristo”. Tudo bem, não tem problema essas expressões que agora eu já sei que Cristo era o Espírito Santo, amém? Você vê como é fácil?
Ele era Deus, ninguém poderia ser Melquisedeque se não o mesmo Cristo, Deus mesmo. Veem? Deus mesmo, porque Ele era sem pai e sem mãe, vê? Jesus tinha ambos pai e mãe, veem?”

44 - E para aqueles que ficam dizendo: “Não, mais isso ai foi o que o irmão Branham pregou antes dos selos”, (porque o que ele pregou sobre Hebreus é no ano de 57 e os selos foi em 63). Mais agora estou lendo a mensagem de 64, então não venham dizer senhores pregadores, doutores da mensagem que o irmão Branham mudou o ponto doutrinário a respeito da Deidade.

45 - E eu tenho a outra citação quando ele diz assim: “Eu tenho pregado sobre a Deidade Suprema e não tenho mudado a minha doutrina”, eu creio, e isso ele não mudou, aqui está depois dos selos, um ano depois dos selos mais de ano... 6 messes quase depois dos selos ele dizendo:
Deus mesmo, porque Deus mesmo, veem? Ele era sem pai e sem mãe, mais Jesus tinha a ambos, pai e mãe. Assim que este homem era sem pai, sem mãe, sem princípios de dias ou fim de vida. E quem quer que fosse, Ele continua vivo. Ele era Rei neste tempo de Salém, que se interpreta: “Rei de Paz, Shalom”. Rei de Jerusalém, que encontrou a Abraão e lhe deu vinho e pão (comunhão) depois da batalha. Um tipo muito belo ali no capítulo 7 de Hebreus, nós encontramos. Ag ora, lhe deu pão e vinho depois de terminado a batalha. Como Ele... 76” (Na tradução EUA situa-se no parágrafo 77 – Ed.) “Esta é a primeira coisa que nós tomaremos quando encontrarmos o Novo Reino, comeremos novamente com Ele no Reino do Pai, o pão e o vinho”.

46 - Foi o que Jesus disse: Eu não tomarei do fruto da vide, esta expressão “foi o que Jesus disse” não está na citação do irmão Branham eu que estou colocando aqui, viu? Ele fala direto. “Comeremos novamente com Ele no Reino do Pai, o pão e o vinho. “Eu não tomarei do fruto da vide, ou já nem comerei o pão, até que eu coma convosco, novamente no Reino de Meu Pai, naquele dia.” Amém! Isto foi o que Jesus falou no dia da ceia para os discípulos. Então, tem ou não tem esta diferença entre O Pai e O Filho? An? Pensem senhores.

47 - Vamos mais uma expressão? Olha, não pensem que eu estou sem saber o tempo, viu? Temos tempo suficiente para mais uma citação aqui. Mensagem “O Julgamento. (19/04/1964)” a partir do parágrafo 74 (Na tradução por GO situa-se no parágrafo 76 – Ed.) – Jesus disse, “Como foi nos dias de Sodoma, quando o Filho do homem seria revelado!” Nos dias de Sodoma era o Filho (que era Deus) revelado em carne humana... Observe isto: “o qual foi uma vez chamado Melquisedeque O Pai. Melquisedeque neste tempo não teve pai e nem mãe, nem princípios de dias ou fim de vida; Quem sempre foi, Ele segue sendo o mesmo. Jesus teve um pai e mãe; porém este homem não tinha nem pai e nem mãe”.

48 - Todas as vezes que William Branham fala sobre esta pessoa de Melquisedeque, ele mostra a diferença entre Ele e Jesus. “E Ele apareceu a Abraão na forma de um Filho do homem...”  Ele quem? “Elohim, Jeová”. Está aqui, né? Eu falei antes de ler, exatamente isto, olha: “Ele apareceu a Abraão na forma de uma filho do homem, Elohim, Jeová. A igreja agora tem servido a condição através das eras da igreja, no batismo do Espírito Santo. Porém Jesus disse aqui para fazer Malaquias 4 e o resto destas escrituras verdadeira para vocês...,

49 - Observe: Jesus falou, “Jesus disse aqui para fazer Malaquias 4 e o resto destas escrituras verdadeira para vocês”, o que significa isto irmãos? É exatamente o que eu disse antes, quando eu li lá na outra expressão. É quando Ele cumpre a Palavra em seu dia e a vindica como a Verdade, então, Jesus prometeu aquilo, que se cumpriria Malaquias 4, quando ele disse: “Elias virá primeiro, o Filho do homem se revelará nos últimos dias” e quando se fala no Filho do homem se pensa em Jesus, se pensa em Rapto... se pensa nestas coisas; e passaram tudo por alto. Porque tanto a Bíblia, quanto a mensagem está mostrando que esta manifestação de Filho do homem era a mesma que se manifestou para Abraão, e quando se manifestou para Abraão foi Elohim mesmo em uma carne, quando se manifestou para... há dois mil anos atrás na rude Jerusalém foi outra vez Elohim na carne de seu filho, e para cumprir Malaquias 4, Mateus 17:11, Lucas 17:22-30 e Apocalipse 10:7 é outra vez Elohim mesmo em um homem na terra. [Amém!]

50 - Não pensem que isto é pouca coisa, isto é muito tremendo, viu? Isto é muito tremendo. “Quando nós falamos Deus enviou um profeta” as pessoas rejeitam, eles não sabem que estão rejeitando o próprio Deus, uma manifestação de Elohim, a manifestação de Filho do homem; eles não sabem o que estão rejeitando.
Jesus disse aqui para fazer Malaquias 4 e o resto destas escrituras verdadeira para vocês, veem? Que nos últimos dias, justo antes da vinda...”
Antes da vinda para o Rapto viu? “A cena do mundo será como o de Sodoma...”

51 - O que foi nos dias de Sodoma? Foi homossexualismo. Homens vivendo com homens e todas estas coisas. Mais não está exatamente assim? Claro! Está exatamente assim. Observe o que o irmão Branham diz: “...Justo antes da vinda, a cena do mundo será como Sodoma, e o Filho do homem será revelado a Si mesmo como o Filho do homem fez nos dias de Sodoma”. Do mesmo jeito que o Filho do homem veio nos dias de Sodoma.

52 - O que é Filho do homem? É o Ser profético, Deus em uma carne revelando-se para o povo. [A Festa das Trombetas - 67           “Agora, se isto é estranho para alguns de vocês, deixe-me dizer que Deus sempre, a maneira que Deus é conhecido entre o povo é pelo ser profético”.] Deus em uma carne dando cumprimento a Sua Palavra e vindicando diante do Seu Povo. Foi assim que ele fez nos dias de Abraão, revelou as coisas para Abraão e disse: Abraão é meu amigo eu não posso esconder as coisas para ele; fez a mesma coisa quando estava habitando no corpo do Seu Filho, disse para o discípulo: Eu já... Vocês não são estranhos, eu vos chamo de amigos e a amigos[3] se revelam os segredos. Ele, respondendo, disse-lhes: Porque a vós é dado conhecer os mistérios do reino dos céus, mas a eles não lhes é dado;[4] Era Elohim outra vez em um corpo de carne.

53 - Por isto que o Filho teve que participar da carne e do sangue. Porque o próprio Deus teria que vir em uma carne, para poder revelar ou manifestar O Filho do homem. Agora, exatamente do mesmo jeito e quando veio esta mesma manifestação e Deus usa o corpo de um homem, um profeta e o unge, com o Assim Diz O senhor, então outra vez o Filho do Homem se revela e se manifesta, e assim como nos dias de Abraão foi apenas para o pequeno grupo, agora teria que se outra vez para um pequeno grupo.

54 - Deixe o mundo como está, na Sodoma que estamos e eles estão prontos exatamente para o fogo; mais você está se preparando para cear, para o pão e o vinho no Reino do Pai. Amém? [Amém.] Por isto que é importante a compreensão sobre Melquisedeque, para que você entenda o que tem acontecido nesses últimos dias.

55 - Quando falamos do cumprimento da escritura, não pense que é apenas um profeta no meio das pessoas, é o próprio Deus habitando em uma carne, ungindo um homem e depois que este homem se vai, a mesma unção que estava sobre ele vem sobre o povo como aconteceu com Jesus. Primeiro em Jesus, depois na igreja primitiva, depois no povo. Ai na outra manifestação dos últimos dias que já cremos, cremos que tem se cumprido vem primeiro em um homem, um profeta e depois que aquele ministério encerra, então, aquele ministério passa-se para o povo.

56 - O nosso desafio é este, é mudar o nosso pensamento, mudar nossa maneira de ver as coisas, é transformar a nossa mente para termos a mente de Cristo, porque o próprio Deus está desejoso de ser manifesto, de ser expresso através de nós para o mundo. Amém? [Amém!]

57 - Que o Senhor vos abençoe vos encha com a Sua Graça e com a Sua Verdade. Vamos nos colocar de pé, eu chamaria o irmão Fernando para terminar com esta oração, incluindo os pedidos que foram feitos e na próxima sexta-feira estaremos aqui para mais uma vez glorificarmos o nome do Senhor com as nossas vidas, com a nossa adoração. Deus os abençoe.

58 - [O irmão Fernando ora. Graças a Deus. Senhor nosso Deus, nosso Pai, no nome santo do Senhor Jesus Cristo (Aleluia!) nós te damos graças Senhor por este momento de estarmos dentro da Tua casa Senhor, que a sua casa seja chamado “Casa de Oração”. Senhor, nós estamos aqui para te adorar em Espírito e verdade oh Deus. Deus querido, Deus de poder, abençoa Senhor cada irmão que está dentro desta casa de oração. Meu Pai abençoa aqueles que não poderão vir nesta noite também Senhor. Abençoa meu Deus, neste momento Pai os pedidos de oração Senhor, no nome de Jesus Cristo. Meu Pai tenha misericórdia das nossas almas Senhor, revela Senhor mais um pouco Senhor das Tuas escrituras para Teus filhos Senhor. No nome de Jesus Cristo Pai nós te pedimos Senhor, e te agradecemos para todo o sempre, amém Senhor! Graças a Deus.]

59 - Louvado seja Deus! Vamos dizer: Graças a Deus? (Graças a Deus) Um momento desses, uns cultos como este assim e você acha que são cultos simples. É simples, pode ser simples para nós que já estamos acostumados com nós mesmo não é? Mais isto ai fora está causando um reboliço meio pesado, né? Está causando um reboliço meio perigoso na mente das pessoas que achavam que sabiam de tudo, e nunca poderia esperar que determinadas coisas sairia exatamente de Francisco Morato, né? E principalmente pessoas como eu, ministério como o nosso tão pequeno.

60 - Mais a profecia para o tempo do fim fala disso: “Quem desprezará os dias das coisas pequenas?” Não despreze os dias das coisas pequenas. Por isso antes de pregar os selos o irmão Branham pregou: “Deus Escondido e Revelado Em Simplicidade” Outra vez A Palavra teria que nascer, e ela teria que nascer em manjedoura mais uma vez, que os templos já estavam grande demais, muito movimento, muito ajuntamento... Aquela coisa toda. Então A Palavra outra vez vai pra manjedoura, para corações simples, pessoas humildes, pessoas simples mais que pode ouvir a pregação da Palavra, porque o outro já não pode, estão com muito barulho, muitos movimentos. A pregação da Palavra já não faz efeito em suas vidas. Bem, Deus os abençoe, orem por nós, tenham todos uma semana abençoada.
[Fim da gravação]




O sermão: Deus revelado em Carne Humana foi entregue por Ir.  Rosendo no dia 07 de Dezembro de 2005 em Francisco Morato SP. E transcrito do Áudio original para texto em Março de 2015.
Digitação: E. Rosendo
Revisão: D. Rosendo



www.doutrinadamensagem.com


[1] João 11:42
[2] Mensagem “Vida Escondida” – Ed.
[3] João 15:15
[4] Mateus 11:25


Nenhum comentário:

Postar um comentário