quinta-feira, 7 de maio de 2015

doutrina5

A Doutrina 5



3 de maio de 2015

Brian Kocourek


1          Até agora em nosso estudo sobre a doutrina, vimos três pontos muito importantes do foco relacionado à doutrina, e eles são Nº. 1: Deve haver Aquele que Se revela. Em outras palavras, a doutrina de Cristo é sobre Cristo, não é sobre coisas periféricas.

2          Nº. 2: Deve haver alguém em quem ou através de quem recebemos a doutrina. Ou seja, aquele em quem Deus dá a conhecer a Sua revelação de Si mesmo.

3          Nº. 3: Deve haver aqueles a quem a Doutrina é revelada, a um tipo especial  de pessoa, um povo eleito.

4          Esta manhã eu gostaria de me concentrar em um outro pensamento acerca da doutrina, especialmente a doutrina de Cristo, e o que eu quero lhe mostrar é que há sempre um incremento à doutrina. Em outras palavras, Deus nunca envia apenas um homem com a doutrina. Os mestres ensinam doutrina, e eles podem vir e ensinar a doutrina, mas a Palavra do Senhor não vem para os mestres. Ela vem para e através dos profetas de Deus. E Deus nunca enviou um profeta para declarar a Sua doutrina sem primeiro o envio de sinais e maravilhas, para atrair as pessoas para o vaso que Ele tem usado para através dele trazer a Sua doutrina.

5          Se você se lembrar de nosso sermão Doutrina nº 2 aquele a quem Ele Se revela, nós lhe mostramos como que Deus prometeu em Deuteronômio 13 e 18 que aquele que Ele escolheu para revelar a Sua Palavra viria com sinais e maravilhas e com o Assim diz o Senhor.  

6          Mas o homem nem sempre tem aceitado a Palavra do Senhor, ou o ensino ou a doutrina que é trazida pelo vaso da escolha de Deus. Até mesmo Jesus Cristo, o Filho de Deus, teve muita dificuldade em fazer as pessoas crerem na doutrina que Ele trouxe. E Ele lhes disse que a doutrina não era Dele próprio, mas do Pai que O havia enviado.

7          João 7:16-18  Jesus lhes respondeu, e disse: A Minha doutrina não é Minha, mas Daquele que Me enviou. Se alguém quiser fazer a vontade Dele, pela mesma doutrina conhecerá se ela é de Deus, ou se eu falo de Mim mesmo. Quem fala de si mesmo busca a sua própria glória; mas o que busca a glória daquele que o enviou, esse é verdadeiro, e não há nele injustiça.

8          Depois nós verificamos Jesus em contenda com as pessoas em João 10:32-38, sobre a doutrina que Ele lhes ensinou. Respondeu-lhes Jesus: Tenho-vos mostrado muitas obras boas procedentes de Meu Pai; por qual destas obras Me apedrejais? Os judeus responderam, dizendo-lhe: Não Te apedrejamos por alguma obra boa, mas pela blasfêmia; porque, sendo Tu homem, Te fazes Deus a Ti mesmo. Respondeu-lhes Jesus: Não está escrito na vossa lei: Eu disse: Sois deuses? Pois, se a lei chamou deuses àqueles a quem a Palavra de Deus foi dirigida (e a Escritura não pode ser anulada), Àquele a Quem o Pai santificou, e enviou ao mundo, vós dizeis: Blasfemas, porque disse: Sou Filho de Deus? Se não faço as obras de Meu Pai, não Me acrediteis. (“Não Me acrediteis” o que? Ele está dizendo: “Olhe, se Deus não apóia o que Eu estou dizendo a vocês com relação à doutrina que Eu ensino então vocês não têm que acreditar”.) Mas, se as faço, e não credes em Mim, crede nas obras; para que conheçais e acrediteis que o Pai está em Mim e Eu Nele.

9          Agora, na próxima quarta-feira vamos abranger esse pensamento aqui com mais detalhes, mas por agora, quero me concentrar na ordem em que a doutrina sempre vem. E você também vai notar que as pessoas não só se irritaram com Jesus e depois com Paulo, mas eles se irritaram com Moisés também. Agora, eles não se irritaram por causa dos sinais e maravilhas, mas eles se irritaram com o ensino que eles trouxeram, com a doutrina que eles ensinavam.

10       Agora, nós sabemos que Deus não fará coisa alguma a menos que Ele primeiro revele através de Seus profetas. Isso é Amós 3:7. E em Salmos 103:7 lemos: Fez conhecidos os Seus caminhos a Moisés, Seus atos aos filhos de Israel.

11       Observe como as pessoas eram capazes de ver os atos de Deus, mas Moisés conhecia os caminhos de Deus. Essa é a doutrina. Deste modo então, Moisés teve de ensinar a doutrina para as pessoas, para que elas também pudessem conhecer os caminhos de Deus.

12       Porque Deus disse em Salmos 95:10 Quarenta anos estive desgostado com esta geração, e disse: É um povo que erra de coração, e não tem conhecido os Meus caminhos.

13       De fato, Deus disse em Isaías 55:8-9 Porque os Meus pensamentos não são os vossos pensamentos, nem os vossos caminhos os Meus caminhos, diz o Senhor. Porque assim como os céus são mais altos do que a terra, assim são os Meus caminhos mais altos do que os vossos caminhos, e os Meus pensamentos mais altos do que os vossos pensamentos.

14       Então Deus usou sinais para atrair a atenção das pessoas como vemos em Números 14:11 E disse o Senhor a Moisés: Até quando Me provocará este povo? E até quando não crerá em Mim, apesar de todos os sinais que fiz no meio dele?

15       E como o irmão Bosworth disse muitas vezes: “Deus usa sinais, prodígios e curas para chamar a atenção das pessoas para receber o Pão da Vida. É como as embalagens em um pedaço de pão. Você não come as embalagens, mas as embalagens chamam a sua atenção para o pão”.

16       E no livro de Números, vemos que Moisés mostrou dois sinais de Deus para conseguir a atenção das pessoas. Agora, se o sinal tem um propósito e esse é de chamar a sua atenção para que você possa ser ensinado, então a doutrina ou o ensino é muito mais importante do que o sinal de que Deus usa para chamar a sua atenção.

17       Êxodo 4:8-9 E acontecerá que, se eles não te crerem, nem ouvirem a voz do primeiro sinal, crerão à voz do derradeiro sinal; e se acontecer que ainda não creiam a estes dois sinais, nem ouvirem a tua voz, tomarás das águas do rio, e as derramarás na terra seca; e as águas, que tomarás do rio, tornar-se-ão em sangue sobre a terra seca.

18       O irmão Branham disse em seu sermão Quem é Este Melquisedeque? (21/02/1965) A igreja obteve o seu último sinal antes que o mundo todo seja destruído”. E ele também disse: Mas então onde está aquela Descendência Real de Abraão? Onde está o seu sinal”, e ele prosseguiu... o último sinal antes que o mundo gentio fosse destruído pelo fogo?”.

19       Agora, a fim de entendermos o que ele está falando a respeito deste último sinal para o mundo gentio, temos primeiro que nos perguntar: o que é um sinal? E assim, encontramos a nossa resposta no Dicionário Colegial Webster:

20       Sinal: do latim “signum” significando uma marca, um símbolo, um sinal, uma imagem, um selo; algo pelo qual um pensamento ou comando pode ser expresso.

21       Portanto, o sinal não é a coisa em si, mas a expressão de um pensamento ou uma mensagem por trás do sinal para o qual estamos buscando, e essa expressão do sinal é chamada de a voz do sinal”.

22       O irmão Branham falou sobre a importância da voz por trás do sinal, e até mesmo pregou uma mensagem em menos de um ano depois de pregar sobre o Selos chamado A Voz do Sinal de 14 de fevereiro de 1964.

23       Do seu sermão Ide Dizei (17/04/1960) O irmão Branham disse: Podemos ver sinais e maravilhas, mas nós prestamos atenção na voz que o sinal tem.

24       E novamente em Ide Dizei (17/04/1960) ele disse Oh, aleluia, a voz do sinal... Deus disse a Moisés: “Se eles não ouvirem a voz do primeiro sinal, então eles ouvirão a voz do segundo sinal”. Não é tanto pelo sinal, mas a voz que estava com ele.

25       Deste modo, vemos que o irmão Branham deu ênfase não ao sinal, mas para a mensagem que o sinal apontava. A voz do sinal então é mais importante do que o sinal real em si, porque afinal de contas, a voz por trás do sinal é o real motivo do sinal ser dado. A voz é o propósito para o sinal em primeiro lugar. 

26       Em Êxodo 4:1-8 lemos: Então respondeu Moisés, e disse: Mas eis que não Me crerão, nem ouvirão a Minha voz, porque dirão: O Senhor não te apareceu. E o Senhor disse-lhe: Que é isso na tua mão? E ele disse: Uma vara. E Ele disse: Lança-a na terra. Ele a lançou na terra, e tornou-se em cobra; e Moisés fugia dela. Então disse o Senhor a Moisés: Estende a tua mão e pega-lhe pela cauda. E estendeu sua mão, e pegou-lhe pela cauda, e tornou-se em vara na sua mão; para que creiam que te apareceu o Senhor Deus de seus pais, o Deus de Abraão, o Deus de Isaque e o Deus de Jacó. E disse-lhe mais o Senhor: Põe agora a tua mão no teu seio. E, tirando-a, eis que a sua mão estava leprosa, branca como a neve. E disse: Torna a por a tua mão no teu seio. E tornou a colocar sua mão no seu seio; depois tirou-a do seu seio, e eis que se tornara como a sua carne. E acontecerá que, se eles não te crerem, nem ouvirem a voz do primeiro sinal, crerão à voz do derradeiro sinal.

27       Assim, vemos que esse termo bíblico A Voz do Sinal” não é um termo que o irmão Branham acabou de criar, mas pelo contrário, é algo do qual o próprio Deus é o autor. Por isso estamos analisando neste estudo o princípio bíblico de a voz do sinal” e o que isso significa para o eleito no seu dia.

28       Do seu sermão A Rainha de Sabá (10/07/1960) o irmão Branham disse: Muitas pessoas estão seguindo os sinais. Não é o sinal; é a voz que seque com o sinal. Moisés, quando lhe foi dado dois sinais, Deus lhe disse: “Se eles não ouvirem a voz do primeiro sinal, então eles ouvirão a voz do segundo sinal”. Cada sinal é apenas um sinal. O homem tem dons e coisas, mas observe o que está por trás disso. Satanás pode personificar quase que qualquer coisa; ele é um imitador, e ele pode representar. Mas preste atenção no tipo de voz que ele tem. O que ele faz? A voz do sinal.

29       Observe que o irmão Branham está nos permitindo saber que a ênfase não deve ser colocada no sinal em si, mas na voz por trás desse sinal, que é importante vigiar.

30       Do seu sermão chamado A Voz do Sinal (14/02/1964) o irmão Branham disse: Agora, nós verificamos aqui que a sarça ardente era um sinal. Ela foi dada para atrair a atenção de Moisés. Agora, é para isto que Deus dá um sinal, é para atrair a atenção das pessoas. É para isto que é um sinal: para atrair a atenção. E quando vamos pelas Escrituras aqui, enquanto ensinamos isto por alguns minutos, e descobrimos se não é assim, que Ele dá estes sinais para atrair a atenção. E então, quando Ele atrai a atenção das pessoas, então a voz do sinal começa a falar. Jesus curou os enfermos para atrair a atenção. Vê? Então, quando Ele começou a pregar... Vê, sempre isto atrai a atenção. A sarça ardente foi dada a Moisés para atrair a atenção de um profeta fugitivo, e ele se virou para o lado para ver o que era isto. Então o sinal deu uma voz. Então o próprio sinal deu uma voz. Agora, estas vozes e sinais são para alertar o povo que a Palavra de Deus está prestes a ser vindicada. Sempre o sinal é para atrair a atenção das pessoas.

31       Então a ênfase não é e nunca deve ser sobre o próprio sinal, porque o sinal é apenas para atrair a atenção. Mas uma vez que a atenção foi atraída, A Voz do Sinal assume. Então é disso que se trata a epiphanaea que aconteceu no Rio Ohio em 1933. A Luz desceu, foi um sinal, mas observe depois a voz que seguiu aquele sinal.

32       O sinal apontou o povo para uma Mensagem. E do que se trata a Nuvem sobre Flagstaff, Arizona? O sinal veio e, em seguida, uma Mensagem, um Alarido, A voz do Sinal!”. E o Alarido do Rei chegou ao arraial. Sempre Deus envia um sinal em primeiro lugar, depois a Voz. É dessa maneira como Deus opera.

33       Que bem fez a Parousia de Cristo por aqueles que não souberam que Ele está aqui? Então Deus nos deu um sinal para atrair a atenção das pessoas para a Sua Parousia. Aquilo foi a Sua Epiphany ou epiphanaea. Isso significa um brilho. Uma iluminação e o propósito da iluminação, da Luz, da Coluna de Fogo que descia, era para chamar a atenção das pessoas. Por quê? Porque o sinal tem uma Voz.

34       Portanto, cada sinal tem uma voz por trás dele, porque a finalidade de um sinal é duplo:
No. 1) Ele é para chamar a atenção das pessoas.
No. 2) Uma vez que a atenção é conquistada, então há uma voz que é uma Mensagem que o sinal declara. Esse é o propósito do sinal.

35       Vamos dar uma olhada para o sinal de “Pare”, por exemplo. Ele é moldado de uma certa maneira para que ele se destaque como diferente de todos os outros sinais. Vemos sua coloração. É vermelho com uma listra branca em torno de seu perímetro; então quando você o vê você é atraído por ele. E note que tem uma voz, que é uma mensagem, e essa mensagem para você é “PARE”.

36       Temos muitos sinais na estrada. Sinais para recuar, sinais para prestar atenção para passagens de trem, ou cruzamentos de cervos, ou sinais para se ter cautela, ou sinais da condição da estrada como escorregadia quando molhada, ou sinais dizendo-lhe quão longe se está de um determinado lugar, ou sinais de velocidade ou sinais de saída. Eu listei muitos sinais que vemos todos os dias em nossas rodovias, e se você observar, cada um tem uma mensagem, ou uma voz que declara um certo pensamento que ele quer expressar. Assim, devemos ser capazes de reconhecer que cada sinal tem uma voz, e o propósito do sinal é levá-lo a ouvir aquela voz.

37       O irmão Branham pregou a mensagem A Voz do Sinal várias vezes. Em uma em que ele pregou (14/02/1964) ele estava falando de Moisés sendo atraído para o sinal da sarça ardente, e ele disse: Ali, observe com muita atenção agora. Ele vai falar, então Ele tem que atrair a atenção por um sinal. E a voz do sinal é o que Ele vai dizer. Sua Palavra... Sua Palavra prometida vai ser vindicada agora. Vê? “Eu fiz a promessa para que Eu pudesse tirá-los por uma forte mão, Eu mostrarei Meu poder naquela terra” e o que Ele for fazer. Agora, Ele fez a promessa a Abraão. Aqui Ele está pronto a fazer isto, então Ele dá um sinal, uma Coluna de Fogo posta atrás de uma sarça ardente. E Ele disse a Moisés: “Agora você vai ser Meu porta-voz. Desça até lá e Eu serei contigo.” E quando ele desceu até lá, então a Palavra prometida que Ele tinha prometido foi vindicada. Aquela era a voz do sinal. Entende isto agora? Note: “Tenho ouvido os seus gemidos. Tenho Me lembrado de Minha promessa.” Deus nunca muda. Ele sempre faz isto da mesma maneira. A vinda de um profeta é um sinal de que Deus está pronto para falar. Agora, busque as Escrituras. Vê? A Bíblia diz, Deus mesmo disse que Ele não faz nada até que Ele revele isto aos Seus profetas. Isso mesmo. Ele faz isto através deles, porque isto vem a eles; estes são Seus servos, sabe. Correto. A vinda de um profeta é um sinal o qual as pessoas deixam passar por alto em cada tempo. Eles deixam isto passar por alto. Eles nunca captam isto de maneira alguma, a menos que sejam aqueles que tiveram seus olhos abertos para verem isto. Aqueles que são eleitos para verem isto. Mas a vinda de um profeta era o sinal de que Deus estava pronto para falar, porque se Deus não fosse falar, o profeta não estaria na terra. Agora, lembrem-se disto. Ele não estaria na terra, a menos que Deus estivesse pronto para falar. E desta maneira que Ele fala, é através destes canais. O Deus imutável nunca fez isto de uma outra maneira.

38       Em 1982, o irmão Vayle realizou uma convenção em Columbus, Ohio, e ele pregou uma mensagem mostrando a mesma coisa. Ele disse que sem profeta, sem Deussem Deus, sem Profeta”. E salientou que quando há um profeta em cena é porque Deus está em cena. Por quê? Porque um profeta é um sinal, e Deus é a Voz por trás desse sinal.

39       A Voz do Sinal (14/02/1964) Note. Esta sempre é a maneira de Deus de tornar a Sua voz conhecida ao Seu povo. Ele envia Seu profeta e dá um sinal, e então toma Sua voz que tem sido antes falada em Sua Palavra, e a vindica por este homem; e eles sabem que isto é Sua voz; porque isto é a Palavra prometida do dia. Oh, se as pessoas pudessem ver isto. Se eles pudessem somente parar apenas por um momento e perceberem que... Veja, não há maneira de fazê-los crer nisto. Não há uma maneira que um homem... O próprio Deus não pode fazer isto, fazer as pessoas crer nisto. Eles têm que crer nisto. E se não há nada ali com o que crerem, como eles podem crer? Vê? Não importa o que você faça... A Bíblia diz: “Embora ele tenha feito tantos milagres, ainda assim eles não puderam crer,” porque Isaías previu isto, e disse: “Têm ouvidos mas não ouvem, tem olhos mas não vêem.” E contudo Ele era perfeitamente o Messias, fazia exatamente o que o Messias disse. E eles disseram: “Este homem simplesmente acaba com as igrejas, e Ele... Nós não sabemos de onde Ele vem.” Vê? Não é isto estranho, que eles fariam isto? Mas a Bíblia disse que eles fariam isto. E a Bíblia também disse que nestes dias eles fariam a mesma coisa: “Traidores, obstinados, orgulhosos, mais amigos dos deleites do que amigos de Deus, tendo aparência de piedade, mas negando a eficácia dela. Destes afasta-te. Porque deste número são os que se introduzem pelas casas e levam cativas mulheres néscias carregadas de pecados, levadas de várias concupiscências, que aprendem sempre e nunca podem chegar ao conhecimento da verdade.” Vê? Agora, isto foi profetizado. E isto tem que acontecer porque isto é o Assim Diz o Senhor. Note. “Mas suas loucuras serão mostradas como Janes e Jambres nos últimos dias.” Agora, sempre fazendo conhecida Sua voz a Seu povo pelo sinal de Seu profeta... Agora, estou falando de Moisés. É onde estou me baseando, e então vemos onde estamos. A Palavra de Deus é manifesta pela voz do sinal. Agora, o sinal que é prometido para o dia é realizado diante do povo. E então a Escritura escrita que vem adiante é a voz do sinal. Se isto não der uma voz Escritural, então fique longe disto. Vê? Isto não é Deus, porque Deus não pode prometer isto para hoje, e dizer: “Bem, isto é isto.” Vê? Deus não pode fazer isto. Deus não pode prometer algo para um dia e dizer: “Não, não. Isto Eu não farei. Isto foi para um outro dia.” O que Ele promete, Ele deve permanecer com isto. E o real sinal Escritural é a voz Escritural. (...) Note, o sinal da Coluna de Fogo, e então a voz do sinal falou. Vê? A Coluna... A voz do sinal estava ali, pronta para falar. O sinal simplesmente mostrava que a voz estava pronta para falar. Captam a ideia? O sinal mostra que a voz de Deus está pronta para falar.

40       Agora, observe que este é o caso de toda vez em que a Coluna de Fogo veio. Primeiro foi a cena em uma sarça por Moisés, e então quando Moisés foi atraído para isso, ele ouviu a voz do sinal e era a voz de Deus, que é a Palavra. A mesma coisa com Paulo. Ele viu a Coluna de Fogo e depois ele ouviu a voz do sinal falar-lhe. A mesma coisa neste dia, quando a Coluna de Fogo desceu sobre o Rio Ohio e em seguida, a voz do sinal foi ouvida. 

41       A Voz do Sinal (14/02/1964) Agora, note, o primeiro ministério de Jesus... Oh, eles todos - todos O queriam em suas igrejas. Oh, que coisa! Ele é um grande companheiro! Certamente, Ele foi a todas as sinagogas, lia pergaminhos e Se assentava. Todos: “Jovem rabi...” Porém um dia Ele começou a conversar com eles de uma outra maneira. A voz do sinal começou a falar. E quando a voz do sinal começou a falar, ninguém O quis. Um deles disse: “Este homem é louco. Ele é um canibal, tentando fazer de todos nós canibais.” Vê? Ele nunca explicou isto. Deixou-os seguirem adiante.

42       Note aqui que o irmão Branham está nos dizendo algo mais sobre esta voz do sinal. Ele está nos dizendo que nem todos podem recebê-la. Não é para todos. E então ela deve ser rejeitada por aqueles que não querem a voz do sinal.

43       A Voz do Sinal (21/03/1964) Observe, sinal. O que um sinal faz? O sinal é para atrair a atenção, e fazer o eleito se aprontar e sair do caminho antes que o juízo golpeie. Foi isso que Noé fez, deixou o eleito preparado. O restante deles... E o que isso faz? O sinal e a voz do sinal condena o incrédulo e o prepara para o juízoEle prepara o eleito para a fuga. Isso é o que o sinal é. É para isso que os sinais são dados, para o juízo vindouro. Para o eleito, eles o vêem, como a pequena mulher com um coração puro em um corpo contaminado, e o fariseu com um corpo puro e um coração contaminado. Isso condenou um e salvou o outro. E o mesmo juízo que salvou Moisés, condenou o mundo, sua pregação. Isso deixa o eleito preparado. Para quê o eleito se prepara? Quando eles vêem um sinal que Deus enviou, eles olham para trás na Escritura e vêem se isso deveria estar lá. “Sim, aqui está. O que é? Juízo pendente”. Então os eleitos ouvem a vozMas os não eleitos ignoram e dizem: “Bobagem. Vá em frente. Nós tomaremos a mesma velha escola”. Foi dessa maneira que eles fizeram nos dias de Lutero. Foi dessa maneira que eles fizeram nos dias de Wesley. Foi dessa maneira que eles fazem agora, da maneira que eles sempre fizeram. Mas isso é um sinal, e ele tem uma voz que segue o sinal. E a voz é identificada como uma voz bíblica. Agora, não se esqueça disso. Eu mantenho isso prosseguindo, porque eu posso nunca mais vê-lo novamente. Eu gostaria de ter uma maneira em que eu pudesse vir aqui em algum lugar, e fazer com que todos os meus irmãos quando eles não tivessem avivamento acontecendo, de montar uma tenda, e simplesmente ficar dia após dia, e ensinar isso até que isso realmente penetrasse. Mas Ele não permitiria isso, creio que não. Veja, estamos muito perto do fim.

44       Agora, é importante que nós entendamos aqui o que o irmão Branham está dizendo. Ele nos diz que todos verão o sinal, mas apenas o eleito estará aberto para a voz desse sinal. E por causa disso eles creem que a voz do sinal é a salvação para eles, mas aqueles que rejeitam isso, o juízo é tudo o que resta para eles. Portanto, a voz do sinal é para o nosso benefício, para nos resgatar e nos preparar para a libertação. É para isso que foi nos dias de Moisés, e é para isso que foi nos dias de Paulo. Então, se Deus não muda, por que nós pensaríamos que seria diferente em nossos dias quando a mesma Coluna de Fogo veio com o mesmo sinal como fez com Moisés e Paulo?

45       O Deus Que é Rico em Misericórdia (19/01/1965) A Moisés foram dados dois sinais, e cada sinal tinha uma voz. Isso mesmo. Eu preguei sobre isto aqui há algum tempo atrás, em algum lugar, sobre “A Voz do Sinal”. Isto deve ter uma Voz do sinal. É uma mudança. Sempre é desta maneira. Se não for, então não veio de Deus. Se um homem sai com um estranho e peculiar ministério, que é descoberto na Bíblia ser a Verdade, e aquele homem permanece exatamente naquela mesma velha doutrina denominacional, esqueça-o. Nada mais. Deus não faz uma coisa dessas. Aquela coisa, aquilo é maná podre que tem cupim em si, ou larva, ou seja do que for que você quiser chamar isto, desde quarenta, cinqüenta anos atrás, ainda tentando comer aquele velho maná que caiu no caminho há anos atrás. E os filhos de Israel, em sua jornada, o maná novo caía toda a noite. Isso mesmo, você não pode guardá-lo. Nós não vivemos de outra era passada. Nós estamos nos alimentando do Maná novo, o Maná fresco do céu, em nossa jornada enquanto seguimos.

46       Então por que os homens continuam pregando as mesmas velhas doutrinas denominacionais e afirmam crer no sinal? Eles vêem o profeta, depois eles vêem o sinal, mas por que eles continuam pregando a mesma velha doutrina aguada que eles possuíram lá no pentecostes?

47       O Sinal (08/03/1964) Ele mostrou o Seu sinal como Messias, e assim por diante. E eles, muitos deles, disseram: “Sim, eu poderia seguir a isso”. Bem, agora, se isso foi um sinal,  tem de haver uma voz desse sinal. Qual era a voz por trás disso? Quando Ele começou a ensinar Sua doutrina e chamá-los de um bando de víboras na grama, Ele não era popular desde então (Vê?), quando a voz veio com o sinal. O sinal foi o primeiro.

48       Observe o que o irmão Branham disse a pouco aqui. A voz por trás do sinal é a doutrina. Mas eles não querem a doutrina, e se eles recusarem a doutrina, então eles estão recusando a aceitar a voz do sinal. Eles afirmam que querem a Palavra de Deus, mas eles não querem a doutrina de Deus.

49       Um certo ministro de grande nome nesta Mensagem estava conversando com Joe Keller anos atrás, e ele disse: “Por que vocês de Lee Vayle não crêem em fazer obra missionária?”. E o jovem respondeu: “Bem, o irmão Brian Kocourek faz, e nós apoiamos o que ele está fazendo, que tal isso?”. E o figurão disse: “Oh, ele não sai para ensinar a Mensagem, ele só sai para ensinar doutrina”. E o jovem me disse, ele disse: “Eu pensei comigo mesmo: ‘O que é a Mensagem se ela não for a doutrina’?”. Mas você não pode discutir com as pessoas que não crêem na voz do sinal.

50       Não Te Estribes no Teu Próprio Entendimento (20/01/1965) Não se estribem no seu próprio entendimento. E depois que o sinal saiu, a Voz seguindo e as igrejas começam a desprezar-me, fechando suas portas por causa da doutrina, a qual nenhum deles se atreve a parar-se diante de mim para dizer se Isto é certo ou errado. Eu desafio a qualquer um deles. Hã-hã. Não para ser inteligente, mas eu sei onde estou. Isso mesmo. Que fizeram eles? Que fizeram eles? Eles fecharam cada porta! “Agora, o que você irá fazer?”
Observe novamente que o irmão Branham nos diz que a igreja rejeitou a voz que é a doutrina.

51       O Homem Mais Insignificante na Cidade   (27/01/1962) Oh, eu teria adorado ter estado lá para ouvir isso. Sem dúvida, creio que cada pessoa aqui teria desejado estar lá para ouvir o que Ele tinha a dizer, escutar a Sua doutrina, o que a Sua doutrina era, como Ele Se expressava, e que tipo de voz Ele tinha; e olhar para o Seu rosto e vê-Lo realizar as Suas obras, e discernir os pensamentos das pessoas, e contar-lhes sobre as várias coisas e enfermidades que eles tinham, e declarando-lhes curados. Eu teria amado ter estado lá. Oh, que coisa. Eu gostaria de ter visto isso.

52       Sabe, essas igrejas afirmam crer na Palavra de Deus, mas elas rejeitam a doutrina que é a voz do sinal. Você sabia qual é a definição da palavra Logos? É a palavra que é usada em João 1:1 No princípio era a Palavra, (o Logos) e a Palavra, (o Logos) estava com Deus e a Palavra, (o Logos) era Deus.

53       Agora, a palavra “logos” significa – palavra ou discurso, uma palavra pronunciada por uma voz viva, que encarna uma concepção ou idéia. Significa, também: 1b) um decreto, um mandato de um fim - o que é declarado, um pensamento, declaração, aforismo, um provérbio, um ditado, uma máxima, e isso também significa 1c) discurso, instrução, Doutrina, e Ensino.

54       Portanto, podemos dizer de João 1:1 “No princípio era a Doutrina e a Doutrina estava com Deus e a Doutrina era Deus”.

55       E este mesmo João escreveu também em 1 João 1:1-3 O que era desde o princípio, o que ouvimos, o que vimos com os nossos olhos, o que temos contemplado, e as nossas mãos tocaram da Palavra da vida (Porque a vida foi manifestada, e nós a vimos, e testificamos dela, e vos anunciamos a vida eterna, que estava com o Pai, e nos foi manifestada); o que vimos e ouvimos, isso vos anunciamos, para que também tenhais comunhão conosco; e a nossa comunhão é com o Pai, e com Seu Filho Jesus Cristo.

56       É por isso que Deus disse em Deuteronômio 32:1-2  Inclinai os ouvidos, ó céus, e falarei; e ouça a terra as Palavras da Minha boca. Goteje a Minha doutrina como a chuva, destile a Minha Palavra como o orvalho, como chuvisco sobre a erva e como gotas de água sobre a relva.
Porque a chuva dá vida a erva do campo.

57       Provérbios 16:15 No semblante iluminado do rei está a vida, e a sua benevolência é como a nuvem da chuva serôdia.

58       Resumo das Eras – O Livro das Eras da Igreja, Capítulo 10 A chuva serôdia só pode vir depois da chuva temporã que é a chuva da primavera ou de ENSINO. A chuva serôdia, depois, é a chuva de COLHEITA. Portanto, você tinha que ter o Profeta de Deus vindo com o ensino, e depois outra chuva seguiria, que é a chuva da colheita. E desde que a chuva de Ensino e a chuva da colheita são ambos chuva – e Deus disse que a Sua doutrina é como a chuva – então ambos devem ser a doutrina seguindo adiante. Uma para ensinar e outra para fins de colheita.   Observe que ele disse: Quando aquela última Semente eleita estiver dentro E o filho treinado, nós partiremos”.

59       Hebreus 6:1-8 Por isso, deixando os rudimentos da doutrina de Cristo, prossigamos até à perfeição, não lançando de novo o fundamento do arrependimento de obras mortas e de fé em Deus, e da doutrina dos batismos, e da imposição das mãos, e da ressurreição dos mortos, e do juízo eterno. E isto faremos, se Deus o permitir. Porque é impossível que os que já uma vez foram iluminados, e provaram o dom celestial, e se tornaram participantes do Espírito Santo, e provaram a boa palavra de Deus, e as virtudes do século futuro, e recaíram, sejam outra vez renovados para arrependimento; pois assim, quanto a eles, de novo crucificam o Filho de Deus, e o expõem ao vitupério. Porque a terra que embebe a chuva, que muitas vezes cai sobre ela, e produz erva proveitosa para aqueles por quem é lavrada, recebe a bênção de Deus; mas a que produz espinhos e abrolhos, é reprovada, e perto está da maldição; o seu fim é ser queimada.

60       O Pacto da Graça de Abraão (17/03/1961) Ou você é um crente ou você não é um crente. Agora, ouça as Escrituras. O homem ou mulher que vem para um fato da Bíblia, que vem contra a doutrina bíblica... Ministros, quem quer que seja, digo isso com amor divino, e você entende isso, e sabe que isso é a verdade, e se afasta disso, “já não resta mais sacrifício pelos pecados, mas uma terrível expectativa de sentença, o ardor de fogo que devora os adversários”.

61       Judas 1:12-13 Estes são manchas em vossas festas de amor, banqueteando-se convosco, e apascentando-se a si mesmos sem temor; são nuvens sem água, (sem chuva, sem doutrina) levadas pelos ventos de uma para outra parte; são como árvores murchas, infrutíferas, (e lembre-se que o fruto é o ensinamento da estação, portanto estes são eles sem o ensino da estação, porque eles não têm chuva, nenhuma doutrina) duas vezes mortas, desarraigadas; ondas impetuosas do mar, que escumam as suas mesmas abominações; estrelas errantes, para os quais está eternamente reservada a negrura das trevas.

62       Isaías 28:8-9 Porque todas as suas mesas estão cheias de vômitos e imundícia, e não há lugar limpo. A quem, pois, se ensinaria o conhecimento? E a quem se daria a entender doutrina? Ao desmamado do leite, e ao arrancado dos seios?

63       Observe que a  tradução Rotherham  usa a palavra “mensagem” no lugar de “doutrina”.

64       Isaías 28:8- 9 (Rotherham) Pois  todas as mesas estão cheias de vômito imundo, não há nenhum lugar! A quem ele ensinará o conhecimento? E a quem ele faria entender a Mensagem?

65       Isaías 28:8-9 (NVI) Todas as mesas estão cobertas de vômito e não há nenhum lugar sem sujeira.  “A quem ele está tentando ensinar? Para quem ele está explicando a sua mensagem?

66       Isaías 28:8-9 (LAMSA) Pois todas as mesas estão cheias de vômitos e de imundícia, de modo que não há nenhum lugar limpo. Para quem ele deveria ensinar o conhecimento, e para quem ele deveria fazer entender o relato? Aqueles que estão desmamados de leite e aos arrancados dos seios? Pois é sujeira em cima sujeira, sujeira em cima sujeira, vômito em cima de vômito, vômito em cima de vômito; um pouco aqui, um pouco ali; pois com dificuldade de fala e com uma língua estranha ele falará a este povo. Pois que Eu lhes disse: Este é o lugar do Meu repouso com que Eu possa fazer o cansado descansar, e este é o lugar de tranquilidade; mas eles não quiseram ouvir. Assim, a Palavra de Deus era para eles sujeira em cima sujeira, sujeira em cima sujeira, vômito em cima de vômito, em cima de vômito, um pouco aqui um pouco ali para que eles possam voltar e cair para trás e serem quebrados e enlaçados e presos.

67       E isso é exatamente o que acontece com aqueles que rejeitam a Voz do Sinal. Eles recuarão tão duramente quanto eles podem voltar para o pentecostes de onde saíram. E observe o que eles fazem. Eles buscam por mais sinais porque não ouvem a voz do sinal.

68       Mateus 7:28-29 E aconteceu que, concluindo Jesus este discurso, a multidão se admirou da Sua doutrina; porquanto os ensinava como tendo autoridade; e não como os escribas.

69       Agora, a palavra “admirado” aqui não significa  ser surpreendido como se você ouvisse a esta coisa maravilhosa. Ela vem da palavra grega, 1605 ekplesso  {ek -place'-so} e significa ferir, expelir com uma pancada, expulsar, expulsar através de pancada, expelir, comumente, entrar em pânico, ficar chocado, ficar maravilhado, maravilhar-se, espantar-se, ficar assombrado. Então veja que isso sugere rejeição, não aceitação.

70       Marcos 11:18 E os escribas e príncipes dos sacerdotes, tendo ouvido isto, buscavam ocasião para O matar.

71       Mas que doutrina foi essa? Porque se você conhece que doutrina é, então você saberá qual é a Voz.

72       Já lemos em João 7:16-18 Jesus lhes respondeu, e disse: A Minha doutrina não é Minha, mas Daquele que Me enviou. Se alguém quiser fazer a vontade Dele, pela mesma doutrina conhecerá se ela é de Deus, ou se Eu falo de Mim mesmo. Quem fala de si mesmo busca a sua própria glória; mas o que busca a glória daquele que o enviou, esse é verdadeiro, e não há nele injustiça.

73       II João 1:9-10 Todo aquele que prevarica, (a palavra aqui “prevarica” significa ir além dos limites) e não persevera na doutrina de Cristo, não tem a Deus. (Agora, isso é muito importante porque se não temos a doutrina de Cristo não temos sequer a Deus, então devemos nos perguntar qual é a Doutrina de Cristo, e João nos dá a resposta.) Quem persevera na doutrina de Cristo, esse tem ambos o Pai e o Filho. (Portanto, se você tem uma doutrina de Cristo e ela não possui ambos ao Pai e o Filho nela, você não tem Deus.) Se alguém vem ter convosco, e não traz esta doutrina, não o recebais em sua casa, nem o saudeis: Isso é muito forte João, mas há uma boa razão do por que ele disse isso, porque um pouco de fermento leveda toda a massa. E o fermento é a doutrina dos fariseus que rejeitaram o Filho de Deus.  

74       I João 2:22-24 Quem é o mentiroso, senão aquele que nega que Jesus é o Cristo? É o anticristo esse mesmo que nega o Pai e o Filho. Qualquer que nega o Filho, também não tem o Pai; mas aquele que confessa o Filho, tem também o Pai. Portanto, o que desde o princípio ouvistes permaneça em vós. Se em vós permanecer o que desde o princípio ouvistes, também permanecereis no Filho e no Pai.

75       Você tem que ter a doutrina, especialmente a doutrina de Cristo ou você não tem sequer um ministério.

76       Apocalipse Capítulo 5, Parte 2   (18/06/1961) Qualquer homem que não tem uma doutrina não tem um ministério.

77       De fato, sem uma doutrina, você não tem sequer uma igreja. Você pode ter uma loja, mas de acordo com o irmão Branham, você não pode ter uma igreja.

78       Lagarta, Locusta, Gafanhoto (23/08/1959) Mas, ainda assim, uma igreja sem uma doutrina é como uma água-viva; não tem nenhuma espinha dorsal. Então nós precisamos ter espinha dorsal nela.

79       Perguntas e Respostas 9 (28/06/1959) Mas, como uma igreja e como um povo, uma congregação, nós precisamos ter uma doutrina para defender, a fim de sermos uma igreja. E esta doutrina pela qual nós defendemos , é o melhor do nosso conhecimento sobre a Palavra de Deus, a Verdade de Deus.

80       Mas o fato é que cada igreja tem uma doutrina, admitam eles isso ou não. E eles pensavam que Jesus tinha um espírito errado por causa da maneira como Ele atingiu a deles.

81       Investimentos (24/11/1962) Estas pessoas ortodoxas que estavam desprezando Jesus, desprezando a política e dizendo que não era bom, não podia confiar... Ele era um homem fazendo-se Deus; Ele era um Belzebu; Ele era um homem selvagem; Ele não tinha antecedentes; Ele foi ilegitimamente nascido; Ele não foi às suas escolas; Ele não foi educado em seus seminários; Ele era contra a doutrina deles; Ele estava partindo suas igrejas; e Sua doutrina estava dificultando o povoé disso que Ele foi acusado de fazer. Chamaram-Lhe de Belzebu, disseram que Ele enganava o povo com a Sua doutrina.

82       Pondo-Se ao Lado de Jesus (01/06/1962) Agora, eles não eram cheios do Espírito, mas eles eram leais e conservavam os credos modernos de seus líderes. Vê? Tudo bem. Seu ministério estava mostrando a Sua doutrina.

83       Pondo-Se ao Lado de Jesus (01/06/1962) Mas quando Jesus veio, Seu ministério mostrou a Sua doutrina, porque Deus estava provando através do ministério de Jesus Cristo de que Ele estava com Ele.

84       A Divindade Explicada (25/04/1961) §§ 273-274 Aqui há não muito tempo atrás, um homem veio, aqui em Chatauqua, e disse: “O irmão Branham é um profeta”. Eu não digo ser profeta algum. Vê? Mas ele disse: “O irmão Branham é um profeta quando ele está sob o Espírito de discernimento, porém,” disse, “Oh, sua doutrina é veneno. Tenha cuidado com Ela”. Eu pensei em: um homem com instrução, diria uma coisa como essa? O que um profeta significa? “Um intérprete divino da Palavra”. A Palavra do Senhor veio ao profeta. Vê?

85       Mas a Palavra de Deus disse que eles se afastariam da , a qual há somente uma fé, e essa é a revelação de Cristo que é a Doutrina de Cristo.

86       Apocalipse Capítulo Um (04/12/1960) § 28 Mas eu só quero dizer isto antes de começar. Ao ver o começo da era da igreja. E ao ver como os apóstolos, as doutrinas, e coisas que eles ensinavam, e os princípios da Bíblia. E então ao ver essa igreja, por volta da segunda etapa de apóstolos, como ela começou a se desvanecer; o real, o verdadeiro ensino. A terceira etapa, afastando-se muito mais. Por volta da quarta etapa, ela havia gradualmente se tornado morna. A igreja produziu uma igreja morna.

87       A Intermitente Luz Vermelha de Sua Vinda (23/06/1963) Mas hoje eles não querem ouvir uma mensagem como essa. As pessoas não querem ouvir isso. Eles querem ser coçados em seus ouvidos. Exatamente o que o Espírito Santo me disse no dia em que eu lancei aquela pedra fundamental ali, disse: “Pregue a Palavra, insta a tempo e fora de tempo, quando virá o tempo em que eles não suportarão a sã doutrina; mas, segundo as suas próprias cobiças amontoam-se para si mestres, tendo comichão nos ouvidos, mas se voltarão da verdade às fábulas”. Disse: “Quando a visão deixar você leia II Timóteo 4”. Disse: “Não se esqueça, II Timóteo 4”. E quando a visão me deixou, de pé ali na Rua 7, um garoto de 19 anos ali de pé, a voz de Deus manifestou-se na sala, e Ele disse: “II Timóteo 4”. Isso é exatamente no que se abriu. Virá o tempo quando eles não suportarão a sã doutrina. As pessoas querem algo... Os pentecostais querem algo que possa dar-lhes tapinhas nas costas e deixá-los viver do jeito que eles quiserem, e eles podem tocar piano a quarenta batidas por segundo, e saltar de um lado para o outro e dançar sobre isso e as mulheres fazem da maneira que elas querem e os homens da mesma forma.

88       Envergonhados Dele (11/07/1965) Como Paulo disse a Timóteo, estejamos sempre no tempo e fora do tempo, reprovando e repreendendo com toda benignidade na doutrina. Pois o tempo virá quando eles não aceitarão a sã doutrina; mas amontoarão para si próprios doutores conforme suas próprias concupiscências, tendo comichão em seus ouvidos e voltarão da Verdade para as fabulas. Deus, estamos vivendo neste dia. Tu me tens permitido viver o suficiente para ver isto acontecer.

89       Alimento Espiritual na Devida Estação (18/07/1965) Mas o Senhor me deu o que deveria fazer em minha Mensagem. Porém então Ele disse: “Faça a obra de um evangelista, cumpra o teu ministério, pois a hora virá quando não sofrerão a sã doutrina.” Se isto não é agora! Todas as igrejas denominacionais têm me rejeitado, eles não suportaram a sã doutrina. “Porém amontoarão doutores conforme a suas concupiscências e se voltarão às fábulas, e farão coisas maravilhosas e proezas, como Janes e Jambres que resistiram a Moisés, porém sua insensatez será manifesta.” Vê, vê? Tudo bem, personificações.

90       A Voz do Sinal (13/03/1964) § 159 Agora, aquele sinal de Sodoma está de volta, no natural. E se tudo está exatamente na posição em que devia estar no natural, então como pode você descartar isto, da sua mente, que o espiritual não está aqui ao mesmo tempo? Ambas composições estão em cena. Sim, todos concordam, o natural está correto; mas, oh, no espiritual, eles não querem crer nisto, porque Isto interfere com sua doutrina.

91       Israel no Egito (25/03/1953) Mas agora eu sou um homem; acabei com as coisas de menino. Agora, temos de chegar à Doutrina completa.

92       Veja o que a verdadeira doutrina irá produzir. Atos 2:42-43 E perseveravam na doutrina dos apóstolos, e na comunhão, e no partir do pão, e nas orações. E em toda a alma havia temor, e muitas maravilhas e sinais se faziam pelos apóstolos.

93       Romanos 6:16-18 Não sabeis vós que a quem vos apresentardes por servos para lhe obedecer, sois servos daquele a quem obedeceis, ou do pecado para a morte, ou da obediência para a justiça? Mas graças a Deus que, tendo sido servos do pecado, obedecestes de coração à forma de doutrina a que fostes entregues. E, libertados do pecado, fostes feitos servos da justiça.

94       Romanos 16:17-18 E rogo-vos, irmãos, que noteis os que promovem dissensões e escândalos contra a doutrina que aprendestes; desviai-vos deles. Porque os tais não servem a nosso Senhor Jesus Cristo, mas ao seu ventre; e com suaves palavras e lisonjas enganam os corações dos simples.

95       I Timóteo 4:6 Propondo estas coisas aos irmãos, serás bom ministro de Jesus Cristo, criado com as palavras da fé e da boa doutrina que tens seguido.

96       I Timóteo 4:13 Persiste em ler, exortar e ensinar, até que eu vá. 

97       I Timóteo 4:16 Tem cuidado de ti mesmo e da doutrina. Persevera nestas coisas; porque, fazendo isto, te salvarás, tanto a ti mesmo como aos que te ouvem.

98       I Timóteo 5:17 Os presbíteros que governam bem sejam estimados por dignos de duplicada honra, principalmente os que trabalham na palavra e na doutrina.

99       II Timóteo 3:16-17 Toda a Escritura é divinamente inspirada, e proveitosa para ensinar, para redargüir, para corrigir, para instruir em justiça; para que o homem de Deus seja perfeito, e perfeitamente instruído para toda a boa obra.

100    II Timóteo 4:1-8 Conjuro-te, pois, diante de Deus, e do Senhor Jesus Cristo, que há de julgar os vivos e os mortos, na Sua vinda e no Seu reino, que pregues a Palavra, instes a tempo e fora de tempo, redarguas, repreendas, exortes, com toda a longanimidade e doutrina. Porque virá tempo em que não suportarão a sã doutrina; mas, tendo comichão nos ouvidos, amontoarão para si doutores conforme as suas próprias concupiscências; e desviarão os ouvidos da verdade, voltando às fábulas. Mas tu, sê sóbrio em tudo, sofre as aflições, faze a obra de um evangelista, cumpre o teu ministério. Porque eu já estou sendo oferecido por aspersão de sacrifício, e o tempo da minha partida está próximo. Combati o bom combate, acabei a carreira, guardei a fé. Desde agora, a coroa da justiça me está guardada, a qual o Senhor, justo juiz, me dará naquele dia; e não somente a mim, mas também a todos os que amarem a Sua vinda.

101    Tito 2:1 Tu, porém, fala o que convém à sã doutrina.
Vamos orar...



Tradução: Diógenes Dornelles






Nenhum comentário:

Postar um comentário